O que não é verdade, verdade é.

© Luanda M.S. Cabral


Te conheci na beira de um bar
Nos falamos um pouco, mas eu não sabia o teu nome
Você foi embora, eu fiquei ali parada
Sem saber para onde ir.

Minhas pernas entrelaçavam,

- Uma dose, duas doses, é claro rá, rá..
"Que eu estou afim, afinal de contas a noite nunca tem fim!"

Então raiou o dia, é claro eu nem percebi,
Onde foi parar a minha vida, onde foi que me perdi.
Quem sou eu, pra onde fui, onde estou?
Meu Deus do céu, o que aconteceu por aqui?

Algo me incomodava, algo em mim mudava
Fui te procurar, na beira de um bar,
Fui te conhecer nas esquinas da vida,
Nas barcas loucas, onde ninguém se conhecia

Eu sentia saudades, mas nem bem sabia do quê
Nas mais belas palavras, nas melhores canções
Eu encontrei você.

No primeiro encontro, eu nem bem tão arrumada
Você já meu íntimo, me conhecia
Eu ali vi, eu quero essa parada, bem lúcida
Pra mim você é o tudo, a frente de todos sou quase nada.



0 Sonhadores:

Sonhe também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Sonhos de Menina ... Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review