Conversão

© Luanda M.S. Cabral
           O Senhor veio a me lembrar da minha conversão. Passei a refletir a podridão que eu era. Um dia desses pude até sentir o fedor, a catinga. Era escrava total de satanás. Bebi, fumei, transei com alguns homens, não foram muitos. Mas, fora o suficiente para eu ir morrendo a cada instante daquilo que eu 'considerava' prazer. Eu me sentia uma mulher livre, feminista, independente. Mas, na verdade eu era uma mulher triste e vazia. E tudo quanto eu havía conquistado, tinha sido pelas forças e por misericórdia de Deus mesmo. Nada que eu possuía em minhas mãos, ficaram nelas, escorreram como água. Mas, aquilo que Deus havía me prometido, tudo eu as possuo até hoje, e vem frutificado, e nisto incluo amizades, trabalhos, faculdade, relacionamento pessola, íntimo e interpessoal, enfim. E o meu interior, cada dia mais enfadonho, cada dia mais entristecido, morrendo de pouquinho em pouquinho. Tinha dias, que eu não conseguia levantar da cama, e em meus pensamentos vinha: 'Você não presta pra nada.' 'As pessoas são todas falsas, e não gostam de você'. 'Este mundo é sujo, e podre e você faz parte dele, você é tão podre quanto ele'. 'Pra quê continuar a viver neste mundo'... E me vinha sentimento de morte. Eu ia na porta do meu banheiro, e via o cano do chuveiro, era um cano grosso, e fica me imaginando pendurada ali, ficava me vendo enforcada... Passei a planejar meu suicídio... Todos os dias eu pensava um pouco, como sería. Pensava no meu velório, pensava na carta de despedida, pensava na minha família, na minha mãe, na minha avó, e nos meus tão, mais tão amados irmãos, pensava no meu futuro investido na minha faculdade, pensava no quão foi difícil chegar até aqui, pensava nos julgamento das pessos, pensava o quanto eu tive que descer para poder retornar a subir, e me sentia só, achava que tudo isto havía conseguido só. E, eu olhava para a bíblia e pensava: 'Tudo que tem ali é mentira, Deus não existe, é uma invenção da mente humana para que possa afogar suas mágoas.' 'O homem inventou a Deus, para ter desculpas para suas fraquezas.' E nisto, Jesus estava ali comigo, me falando: NÃO, ALI TEM PROMESSSA PARA SUA VIDA. CREIA, VAI LÁ E LEIA. CONVERSE COMIGO, EU QUERO LHE SALVAR, LHE MOSTRAR O QUÃO É BOM VIVER COMIGO AO SEU LADO. Então, eu pensei: 'Velho, eu nunca mais orei'... E me veio um sentimento, de tamanha tristeza e arrependimento, porquê passei a me lembrar que estava ali porquê o Senhor me trouxara. Passei a lembrar de minhas dificuldades de infância, e o quanto sofrí e chorei nos braços de Deus, e ele era o meu melhor amigo. Quantas coisas confidenciei a Ele, e ele me ouvía em tudinho, eu passava horas e horas falando com Deus, onde quer que eu estivesse. Eu nunca confiei nas pessoas, porquê tinha dentro de mim um sentimento de revolta referente isto, visto que fazia amizades e elas me chateavam, visto que não sabía (ainda não bem sei), perdoar. Passei a olhar em volta e ver, que embora morasse só, Ele havía me dado aquele apartamento, Ele vem cuidado de mim, e que embora houvesse tempos em que eu não pudesse comer o que quería, ou vestir as roupas da moda, eu tinha sempre comida, não passava fome, e não andava nua.
            Então, passei a LEMBRA DE DEUS. Percebi, que Ele nunca havía se afastado de mim, mas eu tinha esquecido Dele, e substituído Ele, por amores do mundo, amor de homem, amizades, bebedeiras, curtição... E muitas outras coisas, que estava me fazendo morrer. E, naquele momento, foi quando eu me ajoelhei à ele, e pedi perdão, pedi a Ele que me ajudasse, que eu pudesse retornar pra Ele, e lhe prometi que iria em busca dele, de maneira intensa, tamanha, que nada que havía dentro de mim iría me afastar do seu Amor. E, a partir dalí eu me converti a Cristo. E hoje estou lutando dia após dia contra a minha carne, para bem o Servir, porque hoje não pertenço mais a mim, pertenço a Cristo.
Sou Dele, e Ele é meu.
(Luanda M.S. Cabral)

0 Sonhadores:

Sonhe também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Sonhos de Menina ... Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review