Das horas

© Luanda M.S. Cabral

"A vontade de Deus nunca irá levá-lo aonde a graça de Deus não irá protegê-lo."
                     Há um espaço em cada passo que damos, não apenas o vazio nem tampouco o que somos, mas a medida em que se anda é que se sabe como e onde se pisa. Eu prefiro me embalar nas horas, furtar os pensamentos me emocionar com sorrisos e ler palavras jogadas ao vento, catá-las com as mãos e saborear como se fosse um doce, cada palavra tem um gosto, depende de como ela sái do coração, e eu posso decidir se quero comer ou não há um risco de indigestão. Pois, tem palavras que descem a seco, ou aquelas que molham o céu da boca, como por exemplo: Eu te amo. Tem dias que eu sou toda emoção, fico a flor da pele, tenho imensas idéias e reflexo delas. Fica difícil em um só dia resumí-las em pequenos textos, se pudesse faria o dia inteiro. E tem momentos que eu só quero sentir o vento, a brisa da manhã passar pelos meus cabelos suavizar em minha pele, fechar os olhos e relaxar. Eu não me importo com tanta coisa que eu acabo esquecendo de dar atenção para que é devido, é estranho e contraditório ser assim me acho meio esquisita, minhas emoções são direcionadas, ativadas ao sentido necessário para talvez o que necessite no momento. Ao ponto de que se quero uma emoção, vou em busca de me jogar de uma ponte e mergulhar de cabeça. Isto chamamos de auto controle? Não, não cheguei a este nível ainda, e nem o serei, não sou de ferro porém às vezes me sinto um aço. É que é difícil chamar minha atenção para coisas ínfimas, eu quando olho nem percebo. É uma ingenuidade tamanha que passa despercebido, e me sinto meio lesa, digo. Mas é que hoje sei que ser assim me faz muito bem. Das horas que tenho, faço o possível para estar em paz comigo, porque eu mereço.
(Luanda M.S. Cabral)
No silêncio eu te encontro
Quando todos se vão
Contigo eu fico.
E não há nada que eu queira fazer
Do que te buscar e te encontrar
Não há nada do que eu queira fazer
Do que me prostar e te adorar
Meu coração clama por ti
(Heloísa Rosa - Silêncio)

2 Sonhadores:

Marcia Morais disse...

bom tê-la no meu cantinho adorei o texto deixo um bjão !

Juuh Nascimento disse...

Lindo texto Lu!

Sinto-me assim tbm minha querida.

As vezes sou tornado, outras calmaria.
Tenho procurada manter tudo em equilíbrio, embora seja difícil, mas tentar manter a paz interior é fundamental para se viver bem.

Bjs & abraços!

Sonhe também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Sonhos de Menina ... Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review